Navegando no universo da programação Conselhos para aproveitar e contribuir para a área tech

William Oliveira

*Você terá acesso às futuras atualizações do livro.

Conteúdo

Navegar no universo da programação pode mudar a sua vida. E este não precisa ser um processo solitário: ao longo de sua jornada, você pode contar com o apoio de mentorias, comunidades e dicas de profissionais mais experientes para atravessar os desafios da área tech de forma saudável. Esses conselhos podem ser decisivos para você evoluir tanto pessoal como profissionalmente e desenvolver uma carreira com sucesso e equilíbrio.

Neste livro, William Oliveira traz uma coletânea de conselhos para você tirar mais proveito de tudo que o universo da programação pode lhe oferecer. Os capítulos acompanham demandas recorrentes nas trilhas profissionais da área de tecnologia, passando pelas primeiras interações com a comunidade, armadilhas e preconceitos, desgastes emocionais, empregos questionáveis, até pontos de vaidade que adquirimos com o tempo. Com essa maturidade profissional, você também passará a manter esse espaço e contribuir para que ele seja cada vez melhor e mais acolhedor. Assista à live de lançamento deste livro aqui.

Saiba o que você vai aprender

 

Sumário

  • 1 Não seja babaca de comunidade
  • 1.1 O que é uma comunidade de programação
  • 1.2 Deixe-me usar o Google por você
  • 1.3 O que eu faço é sempre melhor do que o que você faz
  • 1.4 Respeite as minas
  • 1.5 A internet conecta um mundo inteiro, saia do seu pequeno mundinho
  • 2 Por que você desistiu de ser cientista?
  • 2.1 O que faz uma pessoa cientista?
  • 2.2 Deveríamos nos espelhar nas crianças
  • 2.3 Sair da zona de conforto
  • 3 Assumindo o papel de protagonista em nossa aprendizagem
  • 3.1 Nossa infância
  • 3.2 Depois da primeira infância
  • 3.3 Tecnologia como ferramenta de aprendizagem
  • 3.4 Como estruturar o conteúdo
  • 3.5 Construindo um mapa mental
  • 3.6 Validando o conhecimento
  • 4 Problemas ou armadilhas de sermos autodidatas
  • 4.1 A dificuldade de mensurar o nível de conhecimento
  • 4.2 Querer aprender tudo de uma vez
  • 4.3 Não conseguir sair do lugar ou não sentir uma evolução
  • 4.4 Não cuidar da saúde física e mental
  • 4.5 Achar-se melhor do que outras pessoas
  • 5 Pare de procurar conteúdo e comece a praticar!
  • 5.1 Como saber se estou pensando muito?
  • 5.2 Como superar a paralisia por análise e começar a colocar os planos em prática?
  • 6 Sobre os requisitos das vagas de emprego em programação
  • 6.1 Estudar
  • 6.2 Trabalhar em equipe é mais do que requisitos técnicos
  • 7 Escolha um trabalho que você ama e nunca terá que trabalhar. Mentira!
  • 7.1 A busca pelo trabalho legal
  • 7.2 O emprego dos sonhos
  • 7.3 Existem empregos legais
  • 8 Quando abandonar um emprego
  • 8.1 O ambiente tóxico
  • 8.2 Uma empresa ruim pode nunca deixar de ser
  • 8.3 O impacto das nossas escolhas no nosso futuro
  • 9 Devolva para as comunidades
  • 9.1 Comunidades são muito legais
  • 9.2 Como tentamos pagar nossa dívida
  • 10 Por que existem cursos de programação exclusivos para LGBTs e outras minorias?
  • 10.1 O ambiente social é excludente
  • 10.2 Não é sobre você
  • 11 A vaidade em engenharia de software
  • 11.1 Vale a pena trocar de emprego para trabalhar com uma tecnologia em destaque?
  • 11.2 O que vale mais salário ou título?
  • 11.3 Trabalhar em uma empresa grande para ter o nome no currículo vale a pena?
  • 11.4 Participar de grupos tóxicos porque eles estão lotados é bom?
  • 12 Preconceito com tecnologias
  • 12.1 O que aprendi na faculdade é a verdade universal
  • 12.2 O que está escrito no livro deve ser seguido à risca
  • 12.3 Disseram-me que X é ruim
  • 13 Conclusão

Autor

William Oliveira

Desenvolvedor de software, palestrante, escritor, mentor e instrutor. Apaixonado por tudo o que envolva Web, como JavaScript, acessibilidade e performance. Incentivador do open source, conhecimento aberto e uso de Linux. Como uma pessoa que veio da favela brasileira, entende bem a dificuldade das pessoas menos privilegiadas, os grupos sub-representados, e busca apoiar a diversidade e inclusão de minorias na área de programação de computadores. Acredita fortemente na citação: “A educação é a arma mais poderosa que você pode usar para mudar o mundo”, de Nelson Mandela, e vem utilizando a internet para levar conhecimento em programação para o maior número de pessoas possível.

Dados do produto

Número de páginas:
126
ISBN:
978-85-5519-308-8
Data publicação:
07/2022

Compartilhe!

Compartilhe no Facebook Compartilhe no Twitter