Use o código e tenha 10% de desconto!

Guia da Startup Como startups e empresas estabelecidas podem criar produtos de software rentáveis

Joaquim Torres

CHANGELOG

A primeira edição deste livro foi escrita em 2012, há mais de 4 anos. Muita coisa aconteceu na indústria de software e no cenário de startups do Brasil e do mundo. Por esse motivo, resolvi escrever uma segunda edição, trazendo algumas dicas novas, atualizando sobre o andamento do ContaCal e com um update das entrevistas publicadas na versão original, e mais algumas novas.

Neste changelog, deixo registrado o que mudou desde a edição anterior. Assim, se você já leu o livro, pode ir direto para os novos textos. 

De produto web para produto de software ─ Mudei as referências a "produto web" para "produto de software". Fiz isso pois mobile é agora o novo veículo do software. No mobile, o software pode ser entregue via web ou via app. No futuro, o software será usado em relógios, em carros, em qualquer lugar. Por esse motivo, troquei onde falo "produto web" por "produto de software" ou simplesmente por "produto". Aliás, isso me motivou até a mudar o subtítulo deste livro. Se você já o leu, talvez isso lhe motive a relê-lo, vendo produto sob este novo prisma. 

Adição ao capítulo Recebendo feedback ─ Adicionei a este capítulo uma seção explicando a importância do porquê antes do como.

Adição ao capítulo Cuidado ao lançar um produto mínimo ─ Adicionei a este capítulo um exemplo de experimento de fake feature que fiz no ContaCal e que me poupou muitas horas de desenvolvimento que se mostrariam desnecessárias. 

Capítulo novo: Dicas básicas (e não tão básicas) de SEO ─ Para ajudar a atrair tráfego para o site de sua startup, é importante entender de SEO (Search Engine Optimization). Neste capítulo, compartilho um pouco do que aprendi sobre o tema. 

Capítulo novo: Vá vender! ─ Essa é a melhor maneira de entender se seu produto resolve o problema dos clientes. Em uma startup, todos têm de vender. Então, o que você está esperando? Vá vender!

Capítulo novo: Churn ─ Um capítulo inteiro dedicado ao churn, quantidade de usuários e clientes que deixaram de ser usuário ou cliente. Neste capítulo, explico também sobre o tão falado churn negativo. Como é possível ter churn negativo?

Capítulo novo: Mudança de rumo (pivot) ─ Aqui conto o caso da Eventials, uma plataforma para transmissão de palestras online, que precisou mudar para sobreviver. Qual era o problema, o que eles fizeram e as 10 formas possíveis de mudança de rumo são os temas deste capítulo.

Adição ao capítulo Quanto tempo demora até ter retorno? ─ Adicionei a este capítulo informações sobre o primeiro mês positivo do ContaCal.

Capítulo novo: Cinco anos depois, como está o ContaCal? ─ Aqui conto como está o ContaCal, se ele está dando retorno financeiro e se atingiu seus objetivos.

Entrevistas ─ Todas as entrevistas foram atualizadas com a situação mais recente das empresas e de seus produtos. Inclui também algumas novas entrevistas: Sonia Tuyama, da empresa Aurum, com mais de 20 anos de mercado, que tem um software não web e que, em um determinado ponto de sua vida, percebeu que precisava fazer uma versão web de seu software; Thiago Lima, fundador da Eventials, que citei em dois capítulos novos; Vinicius Roveda, um dos fundadores da ContaAzul, empresa que escolhi para voltar a viver esse clima tão gostoso de Startup.

Boa leitura!

 

Comentários

Veja a seguir alguns dos comentários feitos no blog Guia da Startup (http://guiadastartup.com.br) sobre o conteúdo que você está prestes a ler:

É sempre bom aprender com quem já acertou, mas também já errou e aprendeu com os erros. Parabéns pela iniciativa. ─ Gilberto Campos (http://kairostecnologia.com.br)

Sensacional! Simplesmente... Parabéns pela iniciativa. ─ Ricardo Borghetti (http://gnbinternet.com)

Cara, muito boa sua iniciativa! Acredito que é isso mesmo que precisamos, alguém que realmente sabe do que está falando. Estou cansado de ler porcaria... ─ Waister Nunes (http://waister.me)

Nossa, curti muito sua ideia e iniciativa, estarei acompanhando, já foi pro meus Favs! ─ Miguel (http://webinterativo.com.br)

Continue assim com seu blog, pois para mim é referência número 1. ─ Caio Ribeiro Pereira (http://treinosmart.com)

Excelente texto, a mensagem que fica pra gente é "Arrisque e vá para as cabeças". Aproveite a onda e sua motivação, colha o máximo de feedbacks possível e melhore seu produto. ─ Rafael Borsari (http://saricomputadores.com.br)

Estudei o Guia da Startup e aprendi muito, além de achar ótima a inciativa e muito bem apresentada. ─ Bertilo (http://arkathemis.net)

Muito legal o seu site. Li todos os posts sobre startup de uma única vez e gostei bastante. ─ Fabio Santos (http://filmeecia.com.br)

Muito bom o Guia da Startup. Estou acompanhando dia a dia os seus posts, e fico cada vez mais curioso pelo próximo! ─ Luiz Dalcico

Excelente a iniciativa, a didática, a linguagem, os exemplos práticos, os passos para alcançar uma startup... Estou realmente adorando ler o seu blog, muito bom. Está me motivando a colocar em prática algumas ideias (pequenas ou grandes). ─ Fabiano Almeida (http://about.me/fabianoalmeida)

Hoje finalmente consegui ler todos os posts, parabéns! Acho que vai ajudar muita gente. Está muito objetivo, direto ao ponto. ─ Sonia Tuyama (http://aurum.com.br)

Os posts estão a cada dia que passa clareando mais e mais a minha mente. Parabéns mesmo. ─ Dann Luciano (http://dannluciano.com.br)

Muito bom! Li todos os posts e gostei muito. Saber como tem sido a sua experiência com o ContaCal tem me inspirado bastante na criação do meu próprio produto! ─ Nelio Carneiro (http://neliocarneiro.com)

Parabéns pelos posts, muito legais mesmo dá para ter uma noção de com deve ser um empreendimento. ─ Tiago Ribeiro (http://tiagoribeirof.blogspot.com)

Parabéns pela iniciativa, Joca. Muito legal e interessante... Realmente a web e os desenvolvedores brasileiros precisam desse apoio. ─ Taciano Tavares (http://twitter.com/tazfera)

Sumário

  • Parte I ─ Começando
  • 1 O que é o Guia da Startup?
    • 1.1 Por que mais um livro falando sobre startup?
    • 1.2 Quem é esse cara para falar sobre startup?
    • 1.3 Pelo aumento da quantidade e qualidade de produtos de software no Brasil!
    • 1.4 Guia da Startup para não startups
    • 1.5 O que você vai encontrar no Guia da Startup
  • Parte II ─ Definições e requisitos
  • 2 O que é uma startup?
    • 2.1 Afinal, o que é uma startup?
    • 2.2 Quando uma startup deixa de ser uma startup?
    • 2.3 Pode existir startup dentro de uma empresa estabelecida?
    • 2.4 Pense em startup como experimento, e não como negócio
  • 3 O que é um produto de software?
  • 4 Produto web, móvel ou social? Produto para SmartWatches? SmartTVs? Bots?
    • 4.1 Viajando para o passado: web, móvel ou social em 2012?
    • 4.2 De volta para o futuro
    • 4.3 Resumindo
  • 5 Todo site e sistema web pode e deve ser considerado um produto de software
    • 5.1 Mas por que todo site e sistema web deve ser considerado um produto de software?
    • 5.2 Completando o Manifesto para Desenvolvimento Ágil de Software
  • 6 Por que ter uma startup?
    • 6.1 Por que eu criaria minha startup?
    • 6.2 Startup de crescimento vs. startup de estilo de vida
    • 6.3 Que tipo de médico é você?
    • 6.4 Tweet do Dalai Lama
    • 6.5 Questione-se
    • 6.6 Exemplo de retorno não financeiro
  • 7 Os 99,9%
    • 7.1 Faço parte dos 99,9%
    • 7.2 Continue praticando e não se esqueça de sua motivação
  • 8 Quem deve criar uma startup de software?
    • 8.1 Esforço multidisciplinar
    • 8.2 Opções de terceirização
  • 9 Escolhendo o que terceirizar: um caso prático
    • 9.1 Desenvolvimento de software
    • 9.2 Experiência do usuário
    • 9.3 Marketing de produtos
    • 9.4 Administração de sistemas
    • 9.5 Tema do produto de software
    • 9.6 Custo de terceirização
  • 10 Quanto tempo dedicar? Quem devo chamar?
    • 10.1 Quanto tempo dedicar à startup?
    • 10.2 Devo chamar alguém para ser meu sócio?
    • 10.3 Recapitulando
  • Parte III ─ Ideias e problemas
  • 11 Claro que o cliente sabe o que quer!
    • 11.1 As pessoas sabem o que querem, uma solução!
    • 11.2 Problema: as pessoas demoravam muito tempo para se locomover
    • 11.3 Problema: pais querem ir ao restaurante com seus filhos pequenos e querem ter um almoço tranquilo
    • 11.4 Problema: pessoas querem fazer reeducação alimentar para poder ter uma alimentação mais balanceada, e assim perder peso e se sentir melhor
  • 12 Qual é o problema?
    • 12.1 Muitas vezes as pessoas não sabem qual é o problema
    • 12.2 E às vezes as pessoas não sabem que têm um problema
    • 12.3 Devo solucionar problemas de quem?
    • 12.4 Olha que tecnologia bacana!
    • 12.5 Resumindo: problema + tecnologia = solução = ideia de produto
  • 13 Como escolher uma ideia para transformar em produto de software
    • 13.1 Você consegue descrever sua ideia em uma única página web?
    • 13.2 Mais um exemplo
    • 13.3 Qual é taxa de conversão mínima?
  • 14 Problema ou necessidade?
    • 14.1 Mas afinal, qual é a diferença entre problema e necessidade?
    • 14.2 Pirâmide de Maslow
  • Parte IV ─ Mão na massa: fazendo o produto de software
  • 15 Por que é preciso fazer rápido o produto?
    • 15.1 Resumindo
  • 16 Como fazer rápido o seu produto?
    • 16.1 A importância de conhecer o cliente e o seu problema
    • 16.2 Cursos online da Caelum
    • 16.3 ContaCal
    • 16.4 Boas práticas de engenharia de software
    • 16.5 Recapitulando: fazer rápido o produto = saber o que fazer + bons profissionais + boas práticas de engenharia de software
  • 17 Se você não tem vergonha da primeira versão de seu produto, você demorou demais para lançar
  • 18 Quanto tempo levou para fazer o ContaCal?
    • 18.1 Resultado
  • Parte V ─ Mão na massa: gerenciando o produto de software
  • 19 Meu produto de software está pronto, e agora?
    • 19.1 Checklist antes de "abrir as portas"
    • 19.2 Ok, estou pronto!
  • 20 Recebendo feedback
    • 20.1 Lidando com e-mails de usuários
    • 20.2 Por que antes do como
    • 20.3 Exemplo de pressa em agir devido ao feedback
  • 21 Cuidado ao lançar um produto mínimo
    • 21.1 Esteja preparado para continuar andando rápido assim que você lançar seu produto mínimo
    • 21.2 Fake feature ─ uma forma de ser enxuto
  • 22 Como atrair visitantes para o meu site?
    • 22.1 Formas pagas de atrair visitantes
    • 22.2 Formas gratuitas de atrair visitantes
    • 22.3 Alguns exemplos de como atrair visitantes para o site
  • 23 Dicas básicas (e não tão básicas) de SEO
    • 23.1 Frequência de publicação de conteúdo
    • 23.2 Dicas básicas de SEO
    • 23.3 Dicas não tão básicas de SEO
  • 24 Como ganhar dinheiro com seu produto de software?
    • 24.1 Produto de software = software utilizado pela internet
    • 24.2 Tipos de receita de produto
    • 24.3 Tipos de pagamento pelo uso do produto
  • 25 Buscando receita: casos práticos
    • 25.1 Deixando claro por que o produto está gratuito
    • 25.2 Colhendo feedback dos usuários
    • 25.3 Resultado da pesquisa
    • 25.4 Receita de anúncios
    • 25.5 Receita paga pelos usuários
    • 25.6 Ajuste de preço
    • 25.7 byMK/fashion.me, mais um caso prático de busca por receita
  • 26 Vá vender!
    • 26.1 Vá vender!
    • 26.2 Como fazer?
  • 27 Como definir o preço certo?
    • 27.1 Curva de demanda
    • 27.2 Preço diferente para cliente diferente
    • 27.3 Valor percebido
    • 27.4 E os concorrentes?
    • 27.5 E o custo?
  • 28 Oferecer ou não oferecer planos grátis, eis a questão!
    • 28.1 Será que preciso ter uma versão gratuita do meu produto?
    • 28.2 Como gerar receita para cobrir os custos do meu produto gratuito?
    • 28.3 Resumindo
  • 29 Seja um "data geek"
    • 29.1 Quais dados são importantes?
    • 29.2 Funil de conversão
    • 29.3 Exemplo de funil de conversão
  • 30 Alargando o funil
    • 30.1 Quantidade de pessoas que fica sabendo que seu produto existe
    • 30.2 Quantidade de cliques gerados pelos seus anúncios ou por outros meios
    • 30.3 Quantidade de visitantes únicos
    • 30.4 Quantidade de visitantes que se tornaram usuários
    • 30.5 Quantidade de usuários que se tornaram clientes
    • 30.6 Quantidade de usuários e clientes que deixaram de ser usuário ou cliente
    • 30.7 Alargando o funil
  • 31 Assista a seu usuário!
  • 32 Experimente e meça
    • 32.1 Teste A/B
    • 32.2 Exemplo prático de teste A/B
    • 32.3 As aparências enganam
    • 32.4 Mantenha um diário de mudanças
    • 32.5 Cuidado com o máximo local
  • 33 Acompanhe os números de longo prazo
    • 33.1 Números globais: receita e custos
    • 33.2 Números individuais: CAC, LT e LTV
  • 34 Churn
    • 34.1 Churn é um limitador do crescimento
    • 34.2 Churn e o tempo de vida dos usuários
    • 34.3 Churn de receita
    • 34.4 Concluindo
  • 35 Mudança de rumo (pivot)
    • 35.1 Mudança de rumo, um caso prático
    • 35.2 A teoria por trás da prática
  • 36 Quanto tempo demora até ter retorno?
    • 36.1 O que aconteceu?
    • 36.2 Quanto tempo esperar?
    • 36.3 Primeiro mês positivo!
  • 37 Cinco anos depois, como está o ContaCal?
    • 37.1 A evolução do ContaCal
    • 37.2 Retorno do investimento
    • 37.3 Por que o ContaCal não escalou?
    • 37.4 Exemplo de startup que escalou
    • 37.5 Concluindo
  • Parte VI ─ Guia da startup para não startups
  • 38 Empresa que tem um software não web
    • 38.1 Novo modelo de comercialização de software
    • 38.2 Como fazer a transição de software não web para software web?
  • 39 Empresa que desenvolve software sob encomenda
    • 39.1 Criação de um produto novo
    • 39.2 Uso nos projetos dos clientes
  • 40 Empresas que não têm desenvolvimento de software como sua atividade principal
    • 40.1 Como fazer?
    • 40.2 Exemplo de uma empresa que não tem desenvolvimento de software como sua atividade principal
  • Parte VII ─ Entrevistas
  • 41 Cobre Grátis
    • 41.1 Atualização
  • 42 Cursos online da Caelum
    • 42.1 Atualização
  • 43 byMK / fashion.me
    • 43.1 Atualização
  • 44 Sieve
    • 44.1 Atualização
  • 45 Produtos web da Locaweb
    • 45.1 Atualização
  • 46 Astrea da Aurum
    • 46.1 Atualização
  • 47 Eventials
  • 48 ContaAzul
  • Parte VIII ─ Concluindo
  • 49 Para aprender mais
  • 50 Recapitulando
    • 50.1 Poder de síntese
    • 50.2 Síntese do Guia da Startup
    • 50.3 Próximos passos
  • 51 Referências bibliográficas

Dados do produto

Número de páginas:
388
ISBN:
978-85-66250-06-0
Data publicação:
05/2012

Compartilhe!

Compartilhe no Facebook Compartilhe no Twitter